3.6.14

Little Details #9 - A música

Como já aqui referi algumas vezes não contratámos serviço musical. O dinheiro não chegava para tudo e foi algo de que abdicámos facilmente pois não conhecíamos ninguém que nos agradasse e não queríamos estar a contratar um dj ou uma banda completamente às cegas e descobrir no dia do casamento que tinha sido uma má escolha. Para além disso pretendíamos um casamento mais virado para a conversa e para o convívio e menos para a parte da dança durante horas, por isso não achámos que fizesse sentido estar a gastar esse dinheiro. Para muitos noivos, a música é o ponto fulcral do casamento e é naquilo que mais gastam dinheiro, mas para nós havia outras coisas mais importantes e foi para essas que nos virámos. Por exemplo, mesmo abdicando da música contratada na parte da festa, eu quis ter um coro na igreja. Foi escolhido um coro infantil mantendo assim a ideia de um casamento mais informal e simples, com presença de vozes adultas também. As músicas foram escolhidas por nós e decidimos então que para a entrada do noivo tocaria o "Canon en D major de Pachelbel" e para a minha entrada a "Avé Maria de Shubert". O Jack ainda me perguntou espantado se eu não queria a música matrimonial tradicional mas eu queria mesmo esta ou então a "She" de Elvis Costello. Sendo esta menos religiosa, optei pela Avé Maria e confesso que gostei imenso de entrar ao som dela. Para a benção das alianças escolhemos a "I can't help falling in love", música esta que o coro levantou a hipótese de o padre não concordar uma vez que nada tem de religioso. Enviei um e-mail perguntando-lhe se podia ser e ele não levantou objecções, tendo muito pelo contrário sussurrado durante o casamento que a música era lindíssima. Por fim, para terminar a cerimónia escolhemos a música "Oh Happy Day" pois não havia música melhor para expressar um dia tão feliz. :)

Na quinta, entrámos na sala ao som de "Quer, quer, quer, quer casar comigo?", dançámos a primeira dança com a música "When You Kiss Me" de Shania Twain, e cortámos o bolo ao som de "Pela luz dos olhos teus". Ao longo da refeição foram passando algumas músicas, algumas das quais com significado para nós (a música que passou na rádio após a nossa primeira discussão, a música que gostamos de cantar no carro feitos tolos, a música que o Jack ouvia em criança no carro dos pais, a música que eu ouvia com os meus, entre outras) e depois da primeira dança lançámos os Abba, Lambada, Diapasão e mais uma misturada de estilos para quem quisesse dar um pezinho de dança.

Acho que posso dizer que correu bem, Estávamos à espera de muito pouca adesão na altura da dança e acabámos com a pista cheia, por isso não podia ter corrido melhor.

3 comentários:

  1. As fotos atestam o divertimento eheheh ;)

    O coro cantou muito bem!

    ResponderEliminar
  2. Ah, sim, tu agarrada à Sofia vai ficar-me na memória para sempre. :D

    ResponderEliminar

Digam-me coisas. :)