7.12.13

É por causa destas coisas que se diz que a mulher portuguesa tem buço


Não sei bem como fiz tal coisa. Devo ter passado o dedo junto ao olho e apanhado um pouco do lápis preto com que me tinha maquilhado. Devo ter ficado com o dedo sujo sem reparar e devo ter depois passado o dedo entre o lábio e o nariz. Não sei sinceramente como fiz tal coisa, mas sei que quando cheguei a casa ao final do dia, olhei para o espelho e uma sombra cinzenta escura repousava acima do lábio superior. Arregalei os olhos. Então não queriam lá ver que eu, tão clarinha de pele e pêlo, tinha agora um buço escuro?? Esfreguei e claro que saiu. Mas nem quero imaginar o que pensou quem se cruzou comigo nesse dia (que por acaso foi o dia de irmos ao Registo Civil. Está explicado, amor, porque foi a senhora tão simpática contigo: achou que tinhas mesmo de ser bom moço para casar com uma mulher com um buço daqueles).

Sem comentários:

Publicar um comentário

Digam-me coisas. :)