15.11.15

1 mês


Por esta altura, há um mês atrás, a Mini-Tété já tinha nascido. E se por um lado sinto que este mês passou a correr e que parece que ainda ontem a trouxemos para casa, por outro pergunto-me como é que é possível só ter passado um mês principalmente porque a pequenina está uma matulona. Não chegou a vestir o tamanho 0, o tamanho "1 mês" deixou de lhe servir a semana passada e o tamanho "3 meses" está-lhe na perfeição pelo que acho que não o usará muito mais tempo. É uma pequena piranha, como lhe chama a minha mãe, pois tendo fome é bom que não aproximemos os nossos dedos pois ela agarra-os e leva-os à boca a toda a velocidade. Dorme bem, tem cólicas mas não chora durante horas. É, na maior parte do tempo, uma bebé fácil de tratar e se por um lado gosto de a ver a crescer, por outro já sinto o coração apertadinho de tantas diferenças que já noto nela neste último mês. É a minha bebé e eu quero aproveitar cada minuto dela, mas o tempo não abranda e de repente já passaram estes dias todos. Acho que ainda não caiu em mim a ficha de que agora sou "mãe", de que a Mini-Tété não vai a lado nenhum, que ninguém a vem buscar. Por outro lado, sou sem dúvida a mamã da Mini-Tété e sinto todas as células do meu corpo em posição de alerta e de defesa em relação a ela. É a minha cria e ai de quem pense fazer-lhe mal. E sou uma mamã babada ao mais alto nível, capaz de passar horas a olhar para ela, a pensar como fui capaz de fazer algo tão perfeito. Ela é linda e eu só quero que ela seja feliz. Sempre.


4 comentários:

  1. Já passou 1 mês? =0
    Ai que palavras tão lindas! =)

    ResponderEliminar
  2. Que pezinhos adoráveis, dá vontade de dar trincas. Beijinhos e parabéns (este mês passou a voar... que medo!)

    P.S. Que bonequinho tão fofo :P

    ResponderEliminar
  3. M.João

    É realmente fofo, não é? ;)

    ResponderEliminar

Digam-me coisas. :)