12.10.17

Mãe distraída

Já atrasadas, visto o casaco à Mini-Tété, oiço-a dizer "sapatos". Visto o meu, procuro a carteira. "sapatos". Onde é que estão as chaves do carro? No bolso do casaco, na gaveta? "Sapatos". "Sim, querida, eu sei que tens uns sapatos muito giros, deixa a mamã só procurar as chaves...", ah, aqui estão elas, bolas falta o saco dela. "sapatos". Estará frio? Talvez seja melhor levar o gorro e o cachecol para ela. "sapatos". "Sim, já vamos sair à rua com os sapatos, espera um bocadinho". Tenho tudo? Telemóvel, lenços, chaves..."sapatos", "sim, eu sei, tens sapatos, queres levar um livro para o carro? Esse? Boa, vamos lá". Ai, espera, tenho de levar esta carta para os correios, deixa cá guardar. "sapatos". Abro a porta, ligo o alarme, pego-lhe na mão, saio e ela insiste:
- Mamã esqueceu sapatos da Mini-Tété!

Olho-lhe para os pés e só vejo efectivamente as meias. Às vezes penso que a Mini-Tété começou a falar cedo por pura necessidade de que eu a entendesse...

2 comentários:

  1. Tadinha, lá ia ela descalça!!! A correria dos dias faz-nos de esquecer das coisas mais óbvios!
    https://jusajublog.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Completamente. E eu sou distraída por natureza. :P

      Eliminar

Digam-me coisas. :)